Saiba mais sobre 4 sementes que ajudam a emagrecer 4


Conheça 4 sementes que são parceiras do emagrecimento.

Quinoa, chia, linhaça e noz da Índia fazem parte da seleção de sementes que estão em alta e que são benéficas para a saúde, são essenciais para uma dieta saudável,  excelentes fontes de fibras, auxiliam no controle de peso, prevenindo e tratando a obesidade, e combatem o colesterol ruim. Essas sementes saudáveis podem ser facilmente incorporadas à alimentação diária. São riquíssimas em fibras e possuem propriedades bem semelhantes.

Fibras e Água ((Veja a importância das fibras para o emagrecimento))
As fibras, essenciais para o organismo, proporcionam uma sensação de saciedade e beneficiam a digestão de alimentos contribuindo para o trânsito intestinal. As fibras, porém, só desempenham suas funções se a água estiver presente, uma vez que elas precisam de líquido para formar uma espécie de gel no aparelho digestivo.

A Chia
Sementes de chiaCarregada de proteínas, vitaminas do complexo B, cálcio, potássio, magnésio, a chia é rica em substancias antioxidantes e fonte de ômega 3. Todos esses nutrientes contribuem para evitar doenças cardiovasculares, fortalecer o sistema imunológico, prevenir e controlar o diabetes e proteger o cérebro. A chia também é fonte de vitamina A, importante para visão, pele, unha e cabelos. A semente de chia pode ser consumida em forma de gel, farinha, óleo ou crua. As formas de ingerir a semente são muitas: na salada, no suco, no preparo de pães e bolos, e adicionada a iogurtes e sopas.

A Quinoa
QuinoaFonte de cálcio, ferro, proteína, ômegas 3 e 6, a quinoa é também uma ótima opção de semente nutritiva que irá auxiliar o processo de emagrecimento. Os benefícios  da quinoa são inúmeros, dentre os quais: controla os níveis de colesterol, glicemia e triglicérides no sangue, recupera e mantêm as fibras musculares, aumenta a disposição, retarda o envelhecimento, combate a anemia, evita o aparecimento de problemas urinários, doenças do fígado e do coração. Ela também auxilia no fortalecimento dos ossos, prevenindo, assim, a osteoporose. A quinoa também é importante para a síntese dos hormônios, prevenindo o câncer de mama e de cólon e outras alterações decorrentes da carência de estrogênio na menopausa. Outro grande diferencial da quinoa é não conter glúten em sua composição.
Quando cozida, a quinoa pode substituir o arroz nas refeições.

A Linhaça ((Veja alguns benefícios da linhaça))
LinhaçaMais popular que a chia e a quinoa, a linhaça tem dois diferenciais: fonte de vitamina E e Lignana. A primeira é um antioxidante natural que age na prevenção do envelhecimento. A segunda é um fitoquímico responsável por amenizar os sintomas da menopausa e da Tensão Pré-Menstrual (TPM).
Outros benefícios da linhaça são: pele com aspecto mais saudável, energia e vitalidade, auxilia na redução da retenção de líquidos e regula os níveis de açúcar no sangue.

A forma ideal de consumo da linhaça é triturada, uma vez que os principais nutrientes estão em seu interior; e para sua obtenção completa, a mastigação não é suficiente. Um jeito simples de quebrar essas sementes é colocá-la em um processador ou no modo pulsar do liquidificador. A ingestão pode ser feita adicionando-a a saladas, iogurtes, sopas, sucos e vitaminas.

Noz da Índia ((Nozes da Índia ajuda no emagrecimento))
Noz da ÍndiaOutra semente aliada do emagrecimento é a noz da Índia. Além de ter muitos benefícios como uma boa fonte de fibra, ainda proporciona redução da gordura localizada, combate a celulite, auxilia na tonificação dos músculos e controla ansiedade. Essa noz é uma semente que deve ter a ingestão muito bem dosada e consumida com bastante água. Inicialmente recomenda-se comer 1/8 da semente por dia após o café da manhã e, nas semanas seguintes, passar para ¼. É preciso muito cuidado no uso, pois é uma semente forte. As contra-indicações são para pessoas com problemas gástricos e digestivos, pessoas com úlcera, pessoas com o cólon irritado, hipertensos, mulheres grávidas ou amamentando e jovens com menos de 15 anos. A semente traz excelentes resultados para quem objetiva a perda de peso. Mas é preciso cautela em seu uso para não sofrer efeitos colaterais.

Conclusão
O consumo equilibrado de fibras desempenha papéis fundamentais na diminuição do risco de doenças e na melhoria da qualidade de vida. As fibras compõem uma parceria de sucesso com água e exercício físico para quem sofre de prisão de ventre. A ingestão de fibras, encontradas em grandes quantidades nas quatro sementes citadas, sem o consumo de água pode trazer resultados desagradáveis, como gases e prejuízo ao tubo digestivo. A atividade física também é fundamental para que o intestino realize os movimentos necessários para expulsão das fezes.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Deixe seu comentário

4 pensamentos em “Saiba mais sobre 4 sementes que ajudam a emagrecer