Características, reações e benefícios do Jejum Intermitente


Jejum intermitanteGrande parte das pessoas não gostam da ideia de ter que fazer dieta. Ter que evitar uma bela pizza, um suculento hambúrguer e um delicioso bolo de chocolate faz muitas pessoas desistirem das tradicionais dietas. Se você faz parte desse grupo de pessoas que não se adapta a esses tipos de dieta, saiba que há uma maneira de perder peso sem que você precise abandonar suas comidas preferidas, o jejum intermitente.

O que é o jejum intermitente?

Primeiramente, o jejum intermitente não é uma dieta, é um padrão de alimentação. É uma maneira de programar as suas refeições de modo que você obtenha o máximo proveito delas. O jejum intermitente não muda o que você come, mas sim quando você come.

Basicamente então, o jejum intermitente pode ser considerado como um jejum prolongado, feito ocasionalmente de maneira estratégica. A ideia consiste em alternar entre períodos de alimentação regular e jejum, durante o qual você restringe severamente sua ingestão de calorias.

Quando em jejum intermitente, você fica restrito a comer muito pouco, ou nada, por períodos de tempo que duram normalmente de 16 a 24 horas. Pode parecer loucura, mas o jejum intermitente tem sido sugerido por diversos profissionais de saúde como uma ferramenta eficaz para perda de peso.

Como funciona o jejum intermitente?

Para entender como jejum intermitente leva a perda de gordura, você precisa entender a diferença entre a ingestão de alimentos e jejum.

O seu corpo está em estado “alimentado” a partir do momento que você ingere algum alimento até o momento em que os processos digestivos e de absorção terminam, normalmente isso tem duração de três a cinco horas.

É muito difícil para o seu corpo queimar gordura quando você está no “estado alimentado”, porque os níveis de insulina são elevados, levando em consideração que você é do grupo de pessoas que come o que bem entendi.

Depois desse período de tempo, seu corpo vai para o que é conhecido como o “estado de pós-absorção”, que é apenas uma maneira elegante de dizer que seu corpo não está processando uma refeição.

O “estado de pós-absorção” dura de 8 a 12 horas após a última refeição, que é quando você entra em jejum. É muito mais fácil para corpo queimar gordura em jejum porque os níveis de insulina estão baixos. Você estando em jejum, seu corpo queima a gordura que antes era inacessível em decorrência da ingestão dos alimentos.

Benefícios do jejum intermitente

A perda de gordura é grande, mas essa não é a única razão para tentar o jejum intermitente.

Seu dia fica mais simples

Nos dias que você está sob o jejum intermitente, você torna seu dia mais simples. Quando você acorda não precisa se preocupar com o café da manhã, para começar o dia basta um copo da água.

Do mesmo modo, você não precisa se preocupar em cozinhar uma, duas ou até três vezes ao dia, uma única boa refeição é o necessário. De certa forma, o jejum intermitente torna o cotidiano mais simples.

Aumenta a expectativa de vida

Os cientistas há muito tempo já sabem que o baixo consumo de calorias é uma maneira de prolongar a vida. Pensando logicamente, isso faz sentido. Quando você está “morrendo de fome” seu corpo encontra maneiras de estender sua vida.

Por meados de 1945, foi descoberto que o jejum intermitente estendia a vida em camundongos. Mais recentemente, estudos também constataram que em dias alternados o jejum intermitente pode aumentar à expectativa de vida para mais alguns anos.

Ajuda na prevenção do câncer

Esse ainda é um motivo de discussão, já que não tem havido muitas pesquisas e estudos sobre a relação entre o jejum intermitente e o câncer. Os primeiros indícios, no entanto, parecem ser positivos.

Um estudo realizado com 10 pacientes de câncer sugeriu que os efeitos colaterais da quimioterapia podem ser diminuídos através do jejum antes do tratamento. (confira o estudo [em inglês])

Essa conclusão também é apoiada por outro estudo que concluiu o mesmo, de que o jejum antes da quimioterapia poderia resultar em melhores taxas de cura e consequentemente menos mortes.

Além desses benefícios acima mencionados, outro ponto interessante é o que o jejum intermitente é muito mais fácil de ser implantando do que alguma forma de dieta. A razão pela qual grande parte das pessoas falha em suas dietas é porque elas exigem uma mudança de comportamento a longo prazo.

Já no caso do jejum intermitente, não há necessidade de uma mudança de comportamento. O que ocorre é praticamente uma mudança de rotina, já que você a se adapta a um período de horas.

Existem alguns métodos que auxiliam no planejamento do jejum intermitente, dentre os quais incluem:

Leangains

Conhecido como Método 16/8, ele programa uma alimentação de 8 horas para um jejum de 16. Se você tomar um café da manhã as 6 horas da matina, sua próxima refeição será as 10 horas da noite e a seguinte será as 2 horas tarde.

Continue por esse ciclo 16/8 até voltar para o padrão normal de sua alimentação. O que você deve definir então (de acordo com suas necessidades) é por quantos dias seguidos manter esse ciclo.

A dieta 5/2

Esse método cria uma rotina alimentar baseada em dias. Você poder comer normalmente por 5 dias para nos 2 dias seguintes consumir apenas 600 calorias, ou seja, em uma semana você se alimenta normalmente por 5 dias e “folga” em 2. Há pessoas que utilizam e seguem essa rotina por anos.

Efeitos negativos do jejum intermitente

Mas nem tudo é mil maravilhas, o jejum intermitente pode ter efeitos negativos para algumas pessoas, dentre os quais:

  • Se sentir muito estufado após uma refeição;
  • Se tornar um dependente do café (algumas pessoas tomam café em quantidades excessivas quando estão em jejum);
  • “Passar fome”;
  • Reduz o desempenho atlético (Alguma pessoas relatam que se sentem cansadas e indispostas);
  • Azia;
  • Dores de cabeça.

Agora que você já sabe como funciona o jejum intermitente, analise se essa maneira se adapta a você. Independente de qual for a sua escolha para emagrecer, opte por aquelas que não lhe prejudiquem.

O artigo foi útil para você? Comente, curta, compartilhe.

Leia também:
Veja como fazer, os riscos  e os benefícios da Dieta Low Carb
Conheça e emagreça com a dieta paleolítica
Saiba como funciona a Dieta de Ornish
JEJUM INTERMITENTE (O QUE VOCÊ PRECISA SABER SOBRE O ASSUNTO)


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Deixe seu comentário