Retenção de líquidos e emagrecimento


Retenção de líquidos e emagrecimentoPoucas são as pessoas que dão atenção a esse fenômeno, mas acontece que a retenção de líquidos é um dos grandes vilões contra o emagrecimento. Isso porque os líquidos retidos são responsáveis por aquele inchaço incômodo na região abdominal, e ainda agravam problemas como a celulite.

O que é retenção de líquidos?
De forma simplificada, é quando o organismo “segura” mais água que o necessário. Esse excesso de líquido pode ficar em diferentes partes do corpo: distribuído no sistema circulatório, preso em cavidades do corpos ou nos tecidos. Como regra geral, é mais comum em mulheres, mas também pode ocorrer nos homens.

O que causa a retenção de líquidos?
São diversos motivos (e, na maioria das vezes, combinações de motivos) que levam o organismo a reter de líquidos. Aqui estão alguns dos mais comuns:

  • Desidratação: Pode parecer um contrassenso, mas a desidratação pode levar à retenção. Basicamente, o organismo tenta reter o pouco de água (ou outro líquido) que você bebe, ou são conseguidos através dos alimentos.
  • Excesso de sal: O consumo de alimentos com muito sódio pode levar à retenção de líquidos. Isso acontece porque o organismo busca “equilibrar” a quantidade de sódio retendo o máximo de água possível. ((Saiba como substituir alimentos com excesso de sódio))
  • Sedentarismo: Mais um motivo pelo qual a prática regular de exercícios físicos é essencial para a perda de peso e para a saúde. Quando se exercita, o sistema circulatório irriga as mais diversas partes do corpo, em um processo que leva ao “escoamento” de todo o líquido acumulado. Além disso, a prática de atividade física estimula o sistema linfático, principal responsável pela eliminação das toxinas e do excesso de água. ((Abandonar o sedentarismo: 5 formas de ajuda))
  • Má alimentação: Uma alimentação desequilibrada tem tudo para levar o organismo a acumular líquidos. Primeiro porque se pode ingerir substâncias que levem o corpo a reter água, como o já mencionado sódio, ou outros resíduos químicos contidos principalmente nos alimentos industrializados. Mas estudos sugerem que a falta de alguns nutrientes também pode levar ao problema de retenção hídrica. Por exemplo, carência de vitaminas B1, B5 e B6, ou da albumina, nutriente presente na clara do ovo e que é importante para o funcionamento dos rins.
  • Problemas hormonais: Alterações hormonais causam mudanças nos níveis de estrógeno no corpo, o que por sua vez pode causar a retenção maior ou menor de líquidos. É justamente esse fenômeno que leva ao famoso “inchaço” pré-menstrual, que também pode ocorrer durante a gravidez, com pessoas que tomem anticoncepcionais ou façam que reposição hormonal.
  • Outros medicamentos: Além dos medicamentos a base de estrógeno, alguns outros também influenciam na acumulação de líquidos no organismo. Isso é mais comum entre os anti-inflamatórios e analgésicos, sendo o exemplo clássico, a popular aspirina.
  • Doenças ou reações alérgicas: Algumas doenças ou reações — principalmente aqueles que envolvem a tireoide ou os rins — podem causar uma retenção súbita de líquidos.

Como tratar o problema de retenção de líquidos?
Existem diversas formas de se tratar a retenção de líquidos. Começando por avaliar quais os motivos do quadro de retenção, e tentar combater suas raízes — dessa forma, hábitos mais saudáveis, como uma alimentação equilibrada, beber a quantidade correta de água e não levar uma vida sedentária já pode ajudar muito no combate ao problema.
Outro tratamento muito utilizado é a drenagem linfática, uma massagem especial que estimula a circulação e leva o corpo a eliminar o excesso de água dos tecidos.
Em alguns casos, porém, a retenção de líquidos pode estar associada a um problema de saúde mais grave, e dessa forma precisará ser tratado por um médico.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.