Conheça os benefícios e características da saborosa aveia

benefícios da aveia e como acrescentá-la ao cardápioApontada como um dos cereais mais importantes na luta contra o peso excessivo, a aveia é originária de uma planta que pertence à família Poaceae. Esse gênero abriga mais de 440 espécies distintas, com destaque para a Avena byzantina e a Avena sativa.

Extremamente benéfica para saúde de muitos, é importante ressaltar que a aveia pode se constituir em um problema para as pessoas portadoras da celíase, doença que em como principal característica a não digestão do glúten. Teoricamente, a aveia não possui esta substância. Contudo, como ela pode ser processada com o trigo, é fundamental que essas pessoas sempre observem o rótulo atentamente.
A seguir, saiba mais sobre um dos cereais favoritos dos brasileiros durante o café da manhã e da tarde.

Características da aveia

No geral, esse cereal é composto pelos seguintes nutrientes: sódio, zinco, potássio, cálcio, lipídios, fibras, carboidratos, potássio, magnésio, fósforo e proteínas.
De acordo com os nutricionistas, o grande destaque da aveia são suas proteínas, particularmente a presença da beta-glucana. Em uma dieta diária de 2.000 kcal o organismo necessita de 25 gramas de fibras. Segundo os nutrólogos, é importante que se observe, essencialmente, a qualidade proporcionada pelo tipo de fibra existente na aveia.

Os benefícios da aveia

Proporciona saciedade
Primeiramente, é preciso destacar que a aveia apresenta duas vertentes de fibras: insolúveis e solúveis. No primeiro caso o maior destaque fica com a celulose, de difícil digestão por parte das enzimas do corpo humano. Já no segundo, a principal referência são as beta-glucanas, que passam por um processo de digestão parcial no intestino.
São as beta-glucanas as responsáveis por causar a famosa sensação prolongada de saciedade. Isso acontece de modo relativamente simples: ao absorver a água, as fibras ampliam seu tamanho e se transformam em uma espécie de gel que se deposita nas paredes estomacais e intestinais. Isso provoca um adiamento do escoamento gástrico e, por conseguinte, mantém o organismo saciado por um período muito maior. Pensando nisso, a aveia deve ser um dos principais alimentos da lista de pessoas que estão à procura e, principalmente, manutenção do emagrecimento.

Fortalece as defesas do organismo 
Embora a aveia não esteja diretamente associada ao fortalecimento do sistema imunológico, ela interfere positivamente nesse processo devido à sua rica contribuição para melhoria das funções intestinais. Afinal, sempre é bom lembrar e ressaltar que é na flora intestinal que estão alojadas cerca de 60% do total de imunoglobulinas do corpo humano.
O raciocínio é simples e direto: incentivar a formação da microbiota intestinal acaba redundando em mais anticorpos, proporcionando uma contribuição inestimável para o fortalecimento do sistema de defesa do organismo. (Sistema imunológico: Melhores alimentos)

Evita o desenvolvimento de doenças
As gel produzido quando as fibras beta-glucanas estão no estômago acaba por diminuir o tempo em que substâncias, como o colesterol e a glicose, são absorvidas pelo organismo.
Tal característica é muito bem vinda para os diabéticos, já que através do consumo regular de aveia conseguem ter um melhor controle sobre os índices de açúcar liberados na corrente sanguínea.
Já quem sofre devido ao colesterol deve ingerir a aveia em sua forma de farelo, que ajuda a reduzir a concentração dessa gordura no organismo em cerca de 10%.

Como consumir a aveia

É possível encontrar a aveia sob a forma de farinha, farelo e em flocos – sejam mais ou menos espessos. Independentemente da escolha, esse tipo de cereal combina com uma infinidade de frutas e ainda pode ser acrescentado a sucos, vitaminas e shakes, proporcionando um sabor mais do que especial.
Além disso, outras opções de inclusão da aveia na dieta estão no uso durante a preparação de bolos, empanados, pães, farofa, cookies, biscoitos diversos e bolinhos variados. Outra alternativa é a substituição do amido de milho pela aveia durante o preparo de receitas de mingau. (Receita de mingau)

Contraindicações
Conforme mencionado no início, a principal contraindicação da aveia é para as pessoas que possuem intolerância ao glúten, principal fator da chamada doença celíaca.
Pessoas que possuem a síndrome do intestino irritado também devem evitar o consumo da aveia, pois esse tipo de inflamação requer o consumo de alimentos que sejam de facilmente digeridos.

Leia mais sobre alimentos funcionais:
Veja alguns alimentos polêmicos que podem ser benéficos para a saúde
Saiba mais sobre os diferentes tipos e os benefícios do mel
Alimentos que previnem o Mal de Alzheimer
Veja a importância da linhaça para o organismo

Comprar Flocos Sem Glúten Orgânica

Optimization WordPress Plugins & Solutions by W3 EDGE