Veja aqui quais são os prós e contras de uma cirurgia bariátrica!


Cirurgia BariátricaA cirurgia bariátrica é um recurso ao qual se recorre quando não há mais o que fazer para perder peso. Mas tem alguns prós e contras.

Durante os anos 1960, os médicos começaram a notar uma perda de peso significativa naqueles pacientes que tinham parte do seu estômago removida, como num tratamento para úlceras. Como resultado, várias cirurgias para perda de peso – cirurgia bariátrica – têm sido desenvolvidas e aperfeiçoadas ao longo dos anos. Hoje, há uma grande variedade à disposição da medicina.

Os três principais tipos de cirurgia para redução de estômago são Bypass gástrico em Y de Roux, Banda gástrica e Manga gástrica. Cada um tem suas vantagens e desvantagens.

Veja abaixo os prós e contras da cirurgia bariátrica.

Bypass gástrico

Inicialmente desenvolvida na década de 1960, esta cirurgia essencialmente divide o estômago em dois. O primeiro estômago recolhe alimentos e está ligado a uma parte inferior do intestino delgado. A única função do segundo estômago é criar fluidos digestivos para passar para o intestino delgado e ajudar na digestão dos alimentos. Através da “criação de um estômago” menor, a pessoa sente saciedade mais rapidamente e, uma vez que parte do sistema digestivo é ignorada, uma menor quantidade de calorias dos alimentos é absorvida.

Prós

Este tipo de cirurgia bariátrica geralmente leva a resultados mais rápidos e dramáticos. Em 6 meses ocorre até 50% de perda de peso total e esta perda pode continuar por até dois anos. Com esta rápida perda de peso vem uma rápida recuperação de uma variedade de problemas de saúde relacionados à obesidade, tais como: hipertensão arterial, apneia do sono e diabetes. Além disso, os resultados tendem a ser bastante duradouros.

Contras

Uma vez que o alimento passa através do trato digestivo relativamente rápido, corre-se o risco de o organismo não absorver nutrientes suficientes. Sim, há menos calorias absorvidas pelo corpo, mas isso também significa que menos cálcio, ferro, e certas vitaminas presentes nos alimentos serão absorvidas.

As pessoas que se submetem à cirurgia bariátrica devem tomar suplementos diariamente para compensar esta falta de absorção de nutrientes e tomar cuidados especiais em ingerir calorias suficientes para perder peso de forma segura.

Além disso, o bypass gástrico é uma cirurgia bariátrica de grande porte e, como tal, apresenta riscos significativos, tais como coágulos sanguíneos, cálculos biliares e infecções. Em alguns casos, pequenas partes de intestino grosso e delgado também têm de ser removidas. 

Banda gástrica

A banda gástrica é uma banda inflável cirurgicamente colocada ao redor do estômago que pode ostensivamente dividi-lo em dois, ficando a parte superior menor, e a parte inferior, maior. A parte superior do estômago menor passa lentamente alimentos através do pequeno canal para o estômago maior, o que pode ajudar a pessoa a se sentir saciada com mais rapidez.

Prós

Ao contrário de bypass gástrico, nada a respeito desta cirurgia bariátrica é permanente. Quando se decide remover a banda é feita uma cirurgia relativamente simples. Além disso, em comparação com a cirurgia de bypass gástrico, a cirurgia de banda gástrica é mais segura e de recuperação mais rápida.

Há também um certo grau de personalização com uma banda gástrica. A banda pode ser apertada ou desapertada por um médico com a injeção ou remoção de solução salina a partir da banda .

Contras

Em comparação com a cirurgia de bypass gástrico, a perda de peso com uma banda gástrica tende a demorar mais tempo. Isso pode significar que as aflições relacionados com o peso podem permanecer mais tempo após a cirurgia. Há também riscos bastante significativos que são exclusivos para esse tipo de cirurgia. A banda pode escorregar ou vazar, o que pode causar dor extrema que só pode ser aliviada com uma nova cirurgia.

Manga gástrica

A manga gástrica, ou gastrectomia vertical, é outra forma de cirurgia bariátrica. Esta cirurgia remove cerca de três quartos do estômago, e o que permanece se assemelha a uma manga, a qual liga o esófago até o intestino delgado.

Prós

Este tipo de cirurgia bariátrica é perfeito para os pacientes que podem apresentar maior risco de complicações durante a cirurgia. Ao contrário da banda gástrica, não existe nenhum dispositivo restritivo estranho ao corpo para causar potenciais complicações.

Além disso, uma gastrectomia vertical faz com que o paciente perca peso mais rápido do que perderia com a banda gástrica, embora a manga gástrica não seja tão rápida como a cirurgia de bypass gástrico.

Contras

Ao contrário da banda gástrica, uma manga gástrica é irreversível. Parte do estômago é completamente removida e, como tal esta cirurgia não pode ser desfeita. O estômago é grampeado onde é cortado, o material utilizado no grampo é o aço cirúrgico, normalmente bem aceito pelo organismo, entretanto, estes grampos podem vazar, causando uma variedade de problemas de saúde, incluindo infecção.

Embora esta cirurgia bariátrica não seja reversível, isto não significa que o ganho de peso seja impossível. O estômago é naturalmente elástico e a cirurgia não altera esse fato, por isso, dietas inadequadas podem esticar o estômago novamente.

Alternativas naturais para perder peso

A perda de peso através de cirurgia bariátrica deve ser usada como último recurso, depois de todas as outras opções terem sido tentadas e há excelentes opções, inclusive algumas aqui no blog Saúde em Alta. Pois como você pôde ver, apesar de os recursos cirúrgicos serem eficazes, eles envolvem muitos outros riscos. Por isso, consulte os profissionais de saúde competentes, para que possam lhe indicar qual a dieta mais adequada, ou, no último dos casos, qual a melhor opção de intervenção cirúrgica.

Gostou do artigo? Deixe seu comentário, COMPARTILHE!


Sobre Lilian Silva

Bióloga e apaixonada pela escrita, estou sempre em busca de informações úteis as quais possam ser reunidas em textos que ajudem as pessoas.

Deixe seu comentário