Como saber se estou com problema de tireoide?

Quando a pergunta é como saber se estou com problema de tireoide, saiba que existem muitos sintomas que indicam que a tireoide não está funcionando bem.

Alguns são mais comuns que outros, e são mais ou menos identificáveis.

Quando você tem as informações corretas, aumenta suas chances de começar a tratar mais rapidamente e evitar maiores problemas no futuro.

Por isso, conversamos com especialistas na área e reunimos aqui as principais dúvidas sobre problemas de tireoide, e assim, vai ficar mais fácil saber se você está ou não com um problema.

Mas, antes de continuar, lembre-se que tudo o que for passado aqui não substitui a consulta com seu médico, certo?

Como saber se estou com problema de tireoide: quais as causas?

Antes de como saber se estou com problema de tireoide, vale a pena entender as causas de problemas na tireoide.

Indispensável para construir um corpo harmonioso, a glândula tireoide, localizada sob a pele, na base do pescoço e embaixo do pomo de Adão, por meio de seus hormônios, regula o sistema nervoso, os músculos, o ritmo cardíaco, a temperatura corporal, etc.

Dessa forma, todo problema na tireoide pode afetar o funcionamento do corpo humano.

Quando há uma alteração no funcionamento da tireoide, esta glândula pode estar funcionando de forma exagerada – hipertireoidismo –, ou funcionando pouco – hipotireoidismo.

A causa mais frequente do hipertireoidismo é a doença de Basedow, mas também devido à presença de um tumor benigno, um câncer de tireoide ou nódulo.

Já  a causa mais comum do hipotireoidismo é a tireoidite de Hashimoto, doença autoimune na qual os anticorpos atacam as células da glândula tireoide.

Em alguns países, particularmente aqueles em desenvolvimento, o hipotireoidismo é essencialmente devido a uma carência alimentar em iodo.

Como saber se estou com problema de tireoide: quais os principais sintomas?

Identificar rapidamente os problemas de tireoide, seja hipotireoidismo, hipertireoidismo ou nódulos, possibilita o tratamento precoce e evita complicações.

Para responder à sua pergunta como saber se estou com problema de tireoide, é importante saber que eles se diferem de acordo com o tipo de problema.

No caso do hipotireoidismo, os sintomas são os seguintes:

  • Constipação, porque os hormônios da tireoide têm um papel na digestão dos alimentos;
  • Perdas de memória, fadiga cerebral e dificuldades de concentração;
  • Alteração no ciclo menstrual;
  • Cansaço;
  • Voz rouca;
  • Pele seca;
  • Diminuição da transpiração;
  • Ganho de peso;
  • Perda de cabelos e/ou diminuição da pilosidade.

E quais os sintomas do hipertireoidismo?

  • Perda de peso, apesar do aumento do apetite;
  • Ritmo cardíaco acelerado;
  • Ansiedade;
  • Insônia;
  • Olhos para fora;
  • Tremores das mãos;
  • Menstruação abundante ou mesmo ausente.

Como saber se estou com problema de tireoide: como é o diagnóstico?

O primeiro passo de como saber se estou com problema de tireoide é através de um exame clínico.

O médico apalpa o pescoço do paciente para avaliar uma possível hipertrofia da tireoide, e após os resultados do exame, outras análises são necessárias.

Geralmente, o médico solicita uma dosagem da TSH, cujos valores normais variam entre 0,15 e 5 mUI/l, mas também podem variar segundo a técnica utilizada pelo laboratório.

Quando um ou mais nódulos são palpáveis, um exame de imagem é solicitado. A ecografia utiliza ondas sonoras para medir o tamanho da tireoide e determinar se esses nódulos são sólidos ou líquidos.

Enfim, dependendo da suspeita do médico, ele pode solicitar um exame mais específico.

Por exemplo, se o médico desconfiar de um câncer de tireoide, talvez solicite uma punção e então faça uma biópsia. 

Se a suspeita for confirmada, o paciente será encaminhado para um oncologista e avaliará a viabilidade ou não de cirurgia de câncer.

Problemas de tireoide: como é o tratamento?

O tratamento para as alterações da tireoide deve ser orientado pelo endocrinologista conforme os sintomas e o resultado dos exames.

Pode ser prescrito o uso de remédios para regular a função da tireoide e, em alguns casos, será necessária uma cirurgia para remoção da glândula.

Nesse caso, o paciente terá que fazer reposição hormonal pelo resto da vida.

Se um dos seus sintomas seja queda de cabelo, e dependendo dos resultados dos seus exames, o seu médico pode sugerir comprar minoxidil, a fim de evitar uma perda maior de cabelo e estimular o crescimento dos fios.

Como saber se estou com problema de tireoide: quais os fatores de risco?

Além de como saber se estou com problema de tireoide, também vale a pena saber quais são os fatores de risco:

  • Tabaco: suas substâncias tóxicas impedem a absorção do iodo dos alimentos, o que pode favorecer o hipotireoidismo;
  • Estresse: o estresse leva à secreções hormonais em cascata e afeta os hormônios da tireoide;
  • Medicamentos: alguns medicamentos de uso contínuo podem interferir no funcionamento da tireoide, como para tratar problemas endócrinos.

Como prevenir problemas de tireoide?

Alguns hábitos alimentares e atividades físicas podem ajudar a prevenir problemas de tireoide:

  • Iodo: a tireoide precisa de iodo para fabricar seus hormônios, porque o T3 e T4 contêm átomos de iodo. Assim, uma alimentação equilibrada com peixes ou frutos do mar de 2 a 3 vezes semana é o recomendado. O iodo também está presente na soja, gema do ovo, queijos, alho e alguns legumes (brócolis, couve-flor);
  • Zinco e selênio: eles participam da transformação de T4 em T3, forma ativa que se fixa nas células. O selênio protege também a tireoide de inflamação, principalmente quando doenças autoimunes a atacam;
  • Atividade física: ao aumentar o gasto energético, isso permite compensar um pouco o mau funcionamento da glândula em caso de hipotireoidismo. Os exercícios também aceleram a circulação sanguínea, ajudando a regular a ação dos hormônios da tireoide.

Conclusão

Depois de tudo o que você viu aqui sobre como saber se estou com problema de tireoide, ao menor sinal, marque logo uma consulta com um endocrinologista e se for realmente uma alteração da tireoide, iniciar logo o tratamento!

 

Leia também: Melhor cinta para apertar a barriga: realmente funciona?