Alguns hábitos são inimigos do corpo Ideal


Às vezes, uma dieta pode ser mal sucedida não por descumprimento do cronograma, mas devido a pequenos detalhes que fazem grande diferença nos resultados. Na busca pelo corpo ideal, certos hábitos praticados cotidianamente podem trabalhar em sentido contrário à dieta, fazendo com que o peso do corpo fique estacionado. A seguir, veja algumas dicas e saiba como evitar que manias e erros reincidentes te levem a lugar algum.

Conheça alguns hábitos que são inimigos de quem deseja ter o corpo ideal.

Corpo ideal

Imagem cortesia de stockimages em FreeDigitalPhotos.net

Cuidado com produtos diet
Quem busca o emagrecimento e o corpo ideal, mais do que nunca, precisa se atentar ao que consome. Cada minuto despendido na leitura dos rótulos de produtos industrializados vale a pena. Estes alimentos possuem altas taxas de sódio, um dos maiores inimigos na luta contra a perda de peso, já que o excesso desse nutriente acarreta retenção de líquidos. Além disso, outros compostos característicos desses itens podem incitar o desenvolvimento de processos inflamatórios.
Particularmente a respeito dos produtos classificados como “diet”, o problema se agrava, uma vez que a redução de açúcar é equilibrada com a inserção de determinados lipídios. Por isso, devem-se observar quais são os índices informados e sua correspondência em gramas, além de verificar se há concentração de gordura trans, altamente nociva ao organismo.

A água é insubstituível
Muitos que estão em busca de um corpo ideal, ou  mais equilibrado e mais magro insistem em substituir a água por bebidas repletas de sódio, como o refrigerante, por exemplo. Na verdade, segundo os nutricionistas, sucos artificiais também não apresentam a mesmo efeito de se tomar água em sua forma pura.
A dificuldade em se beber os 2 litros diários de água reside no fato de que muitas pessoas, simplesmente, não sentem vontade de ingeri-la na forma pura devido à ausência de aroma. Em virtude disso, recorrem a sucos e refrigerantes. Se for o caso, os especialistas orientam a conferir sabor à água através da adição de folhas de hortelã.

Carboidratos não devem ser desprezados totalmente
As calorias são substanciais para que o organismo retenha energia. Portanto, dietas agressivas, nas quais os carboidratos são reduzidos a zero podem ocasionar efeitos inesperados como a redução da massa magra, ao invés dos teores de gordura. A solução é consumir carboidratos, mas desde que seja em sua forma plena. Desse modo, a alimentação diária deve estar focada em arroz integral, pão integral, etc.

Não exagere nos condimentos da salada
A salada para quem pretende emagrecer de forma alguma deve ser temperada com maionese, creme de leite e similares. Ao invés disso, é recomendável pautar o tempero apenas no azeite extra virgem e vinagre. Se possível, o sal deve ser evitado ou adicionado por meio de pitadas super-reduzidas. Dessa maneira, além de se prevenir contra possíveis alterações na pressão das artérias, evita-se o surgimento de inchaços decorrentes da retenção de líquidos.

Jejum prolongado também não ajuda
Ficar sem comer por um intervalo muito extenso é, altamente prejudicial a quem quer emagrecer. Isso pode trazer graves consequências e fazer com que os quilos que tenham sido perdidos em uma semana retornem no período seguinte.
Isso acontece porque o organismo possui diversos mecanismos de defesa contra a falta de nutrientes. Quando as células atingem longos períodos sem absorvê-los, o corpo começa um processo de fixação de gordura, especialmente, na região do abdômen. A concentração de lipídios aumenta porque o metabolismo começa a ser desacelerado, já que o intuito do organismo nesses casos é, justamente, poupar a pouca energia que lhe resta.

Assim, não só para ter o corpo ideal, a regra de se alimentar a cada três horas é considerada como uma norma de ouro. Quando ela falha, a tendência é a de que todo e qualquer esforço seja impulsionado para baixo. Neste ponto, um nutricionista pode ser de grande valia na hora de compor uma dieta equilibrada e na qual sempre se tenha algo para ingerir no intervalo estipulado.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Deixe seu comentário