Será que vale a pena seguir dieta da moda? 1


Vale a pena investir em qualquer dieta? Na hora de emagrecer muitas pessoas buscam a dieta da moda.

Dieta da modaVocê já deve ter ouvido sobre a dieta utilizada pela Princesa Middleton. E também sobre a dieta que foi sucesso entre as atrizes da Globo. Este tipo de dieta normalmente é restritiva, difícil de seguir e muito conhecida entre as famosas. Mas será que esta é a melhor opção para o seu caso?

Os médicos e nutricionistas afirmam que não. Dietas restritivas, que proíbem determinados grupos de alimentos, podem ser perigosas para saúde. O mais comum é que este tipo de dieta proíba todo o consumo de carboidratos, que são responsáveis pela energia do corpo. O processo de emagrecimento acontece, e geralmente de maneira rápida, mas a saúde fica comprometida. É comum que as pessoas se sintam fracas, sem disposição para as tarefas diárias e muito menos para praticar exercícios físicos – que são fundamentais em um processo de emagrecimento saudável. Outro problema decorrente deste tipo de dieta é a perda de massa magra, ou seja, de músculos. A pessoa perde peso na balança, mas nem sempre ganha um corpo mais esbelto e bonito.
Além disso, é muito difícil manter-se na linha em dietas restritivas. Após a empolgação dos primeiros dias o corpo pede pelos alimentos que estão faltando e a maioria das pessoas acaba cedendo às tentações. O resultado é que todo o peso perdido nos primeiros dias volta em seguida, deixando a pessoa ainda mais frustrada e infeliz.

Será que vale a pena?
Ao decidir por fazer a dieta da moda precisamos nos perguntar se este é o estilo de vida de queremos. É possível ter um corpo magro e saudável ao mesmo tempo, então porque escolher apenas um lado da moeda? Faz realmente sentido optar por um método que tem grandes chances de falhar? A verdade é que a dieta da moda geralmente não é a chave para o emagrecimento saudável e duradouro, que é o objetivo da maioria das pessoas.

Efeitos negativos
Diversas dietas frustradas produzem um efeito aterrador em nosso metabolismo. O corpo entende que aquela pessoa está com escassez de alimento e passa a funcionar de maneira mais lenta, como modo de garantir a sobrevivência. O resultado é aumento e a preservação do estoque de gordura, que passa a ser queimado de maneira cada vez mais lenta. É o famoso metabolismo lento, que sabota qualquer tentativa de emagrecimento.

Melhor solução ((Veja algumas dicas de como fazer a reeducação alimentar))
A melhor solução continua sendo a Reeducação Alimentar. Graças a ela aprendemos a fazer as escolhas certas, que nos guiarão vida à fora para uma vida magra e saudável. Incluir o exercício físico na rotina também é um fator determinante para o sucesso, já que o emagrecimento não é mágico: precisamos gastar mais energia do que consumimos. Parece simples, não é? Mas é muito difícil resistir às tentações e mais ainda nos adaptarmos aos exercícios físicos.
O grande problema das pessoas em seguir o método tradicional de emagrecimento é a falsa crença de que irá “demorar muito”. Geralmente levamos anos para adquirir o peso que temos hoje, e nenhum método, nenhuma dieta da moda e nenhuma estratégia, por melhor que seja, pode nos emagrecer de um dia para o outro. Quando decidem por seguir esta linha, muitas pessoas se surpreendem, pois vêem os resultados logo na primeira semana. E o melhor: sem passar fome e aprendendo a continuar magro para o resto da vida.

Conclusão
Seja qual for a dieta que você escolher, lembre-se de que milagres não existem – mesmo naquela dieta da moda. Emagrecer exige dedicação e empenho. É preciso ser obstinado para não deixar que as tentações diárias sabotem nossos sonhos. Antes de comer algo, é preciso pensar com calma se aquele alimento é realmente necessário. É fundamental tentarmos substituir os hábitos ruins por novos hábitos, desta vez melhores.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Deixe seu comentário

Um pensamento em “Será que vale a pena seguir dieta da moda?