Veja nossas dicas de como evitar a flacidez dos seios


De acordo com uma corrente da cirurgia plástica, nem todas as mulheres, necessariamente, estão fadadas a terem seios flácidos quanto atingirem a terceira idade.
Veja dicas de como evitar os seios flácidos Especialistas explicam que o aspecto genético é um fator muito influenciador no que concerne à flacidez notada na região das mamas conforme os anos vão passando. Assim, a genética pode favorecer algumas mulheres e ser cruel com outras.

No entanto, nem tudo está perdido, pois existem diversos outros fatores que podem minimizar os efeitos naturais causados pela idade. A seguir, saiba mais sobre os principais motivos que acarretam a flacidez mamária e saiba como evitar os seios flácidos mante-los firmes por mais tempo.

Veja algumas dicas de como evitar ou evitar ou seios flácidos e a elasticidade dos seios.

Quanto à amamentação
Segundo um estudo científico realizado pela Universidade estadunidense de Kentucky, a crença de que o hábito de amamentar leva à queda dos seios é exagerada.
A pesquisa concluiu que, enquanto a mulher está em fase de aleitamento, a mulher passa por um processo que ocasiona a inflação da glândula mamária e um aumento da concentração de leite. Consequentemente, os seios se tornam mais pesados e pendem para baixo. Além disso, também ocorre uma ampliação do tecido gorduroso, o que culmina no estiramento da pele. A flacidez acontece porque após esse período acontece uma involução da pele. É essa retração que, geralmente, ocasiona a flacidez, que pode acontecer em diferentes níveis.

O nocivo tabaco
A pesquisa efetuada pela Universidade de Kentucky também demonstrou que o tabaco acelera as etapas que podem culminar em seios flácidos no futuro. Os pesquisadores notaram que o tabaco contém elementos que acarretam a quebra da elastina, proteína responsável por sintetizar as fibras que dão elasticidade e sustentação à pele.
Os médicos também alertam para o consumo excessivo de álcool, pois juntamente com o tabaco, geram grandes transformações na circulação do sangue e reduzem as quantidades de oxigênio que chegam aos tecidos, prejudicando totalmente a eficácia do metabolismo das glândulas presentes na pele que forma as mamas.

O sutiã
Longe de ser a melhor solução, o uso do sutiã pode ser útil, uma vez que abrandam o efeito natural causado pela aceleração da gravidade. Entretanto, as diferenças poderão ficar evidentes apenas em mulheres que possuam mamas grandes. Isso não significa que seja recomendável dormir com o acessório. Por outro lado, caso a mulher se sinta mais confortável dormindo com o sutiã, não existe nenhuma contra indicação em relação a isso.

Alimentação equilibrada
Como sempre, a alimentação balanceada exerce um papel fundamental para que o corpo se mantenha em constante equilíbrio. Desse modo, um cardápio composto por alimentos ricos em nutrientes colaboram para a ampliação da produção de elastina e colágeno, proteínas importantes para conceder rigidez à pele e que, assim, se são indispensáveis quando o assunto é a temida flacidez.
Seguindo esse raciocínio, vale a pena priorizar os alimentos que contenham alta concentração de nutrientes como o cobre, o cálcio e o potássio, além de outros que apresentam boas doses das vitaminas A e C. Em contrapartida, alimentos detentores de carboidratos simples e açúcar em grandes quantidades devem ser tratados com máxima ponderação, pois ambos contribuem para a aceleração do envelhecimento da pele.

Sol em demasia
Tomar sol regularmente é importante para manter em dia as concentrações de vitamina D. Contudo, o excesso de raios UV, além de poder ocasionar o câncer de pele também acaba por deteriorar as fibras colágenas, comprometendo a elasticidade da pele e, por conseguinte, aumento a porcentagem de flacidez. Portanto, na hora de tomar sol é imprescindível não se esquecer dos seios, além de evitá-lo nos períodos nos quais a incidência dos raios solares é mais intensa.

O efeito sanfona
Por fim, as mulheres que, no ímpeto de emagrecer rapidamente, recorrem a dietas extremamente restritivas também devem ficar alerta. Existem diversos casos de pessoas que apresentaram problemas relacionados à seios flácidos devido ao ganho e perda de peso repetidamente.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Deixe seu comentário