O Poder das frutas para o organismo 1


O Poder das frutas para o organismoConheça o poder das frutas, elas são uma ótima maneira de se aprimorar o consumo de nutrientes específicos. Isso se deve ao conjunto de cores. Para cada uma delas haverá um fitoquímico particular. Segundo os nutricionistas, as diferentes tonalidades se referem à concentração de minerais e vitaminas presentes em cada fruta. Isso significa que cada conjunto de frutas atende a uma necessidade peculiar. Logo, enquanto algumas delas são tão essenciais quanto qualquer outro alimento, outras podem ser ingeridas em intervalos mais espaçados. Enquanto isso, as mais relevantes precisam ser consumidas, em média, 4 vezes ao dia.

A seguir, confira uma pequena lista das frutas que sempre devem complementar o seu cardápio, veja o poder das frutas em ação.

O abacate
Um ótimo componente de bebidas batidas com leite, o abacate também pode ser consumido na sua forma pura e é uma das melhores frutas para combater os efeitos nocivos do chamado colesterol “ruim” (LDL). Essa fruta é rica em ácido oleico, também presente no azeite de oliva. Logo, o seu consumo confere uma importante proteção nos vasos sanguíneos, ajudando a evitar complicações decorrentes da saturação de gordura nas veias, o que pode levar ao infarto.
No entanto, os especialistas alertam para a grande quantidade de calorias que o abacate traz consigo. Assim, a recomendação de consumo é de apenas uma colher de sopa por dia. Outra dica á substituir o acréscimo de açúcar por cacau em pó.

A maçã
Embora a maçã seja um alimento com alto índice glicêmico, ela ajuda no emagrecimento devido à pectina, uma espécie de fibra solúvel que, uma vez no estômago se transforma em uma substância gelatinosa que aloca parcelas de gordura e as extirpa do organismo. Outro elemento importante e presente na constituição da maçã é o potássio, ótimo agente combatente do excesso de sódio, o grande vilão responsável por causar inchaços na região abdominal.

O limão
Rica em vitamina C, o que muita gente não sabe é que o limão também concentra alta quantidade de ácido nicotínico, substância que concede a sua parcela de proteção às artérias. Assim, o limão auxilia no processo de prevenção de problemas que possam irromper no sistema cardiovascular.
No sangue, o limão altera a sua textura, deixando-o menos viscoso, diminuindo, assim, as chances de o organismo ser surpreendido com uma trombose. Outro benefício se deve à atuação dos ácidos ascórbico e cítrico, que juntos auxiliam na queda das probabilidades de se ter uma hemorragia. Isto pode ser comum em pacientes que sofrem com o diabetes, já que estas pessoas possuem extrema dificuldade de cicatrizarem danos físicos.

A banana
Quando ainda não atingiu o seu estado pleno de amadurecimento, a banana, independentemente do tipo, contém um sabor amargo e, como se diz popularmente, “amarra” a boca. Curiosamente, pesquisas científicas comprovam que é, justamente, nessa fase que a banana concentra propriedades que criam barreiras nas paredes do estômago. Isso faz com que a fruta das frutas se torne uma grande aliada das pessoas que possuem complicações gástricas, além da azia.
Essa ação se deve à presença do leucocianidina, um flavonoide especial no combate ao surgimento de úlceras. A segunda substância que participa do mesmo processo é o amido. Esse componente influência na geração de ácido digestivo, que é então produzido em quantidades menores. Consequentemente, as paredes do estômago não ficam tão irritadiças. Os nutricionistas fazem uma ressalva apenas em relação à banana nanica, que é ácida e pode, na verdade, piorar o estado de pessoas que têm gastrite.

A acerola
Extremamente rica em vitamina C – que possui diversas funções vitais no corpo humano –, a acerola apresenta quase o dobro desse nutriente quando em comparação com a laranja, por exemplo. Dentre outras particularidades, a vitamina C é imprescindível para deixar a imunidade do organismo mais eficiente. Existe uma série de publicações científicas que citam a relevância da vitamina C no aperfeiçoamento das atividades desempenhadas pelos macrófagos e mastócitos, duas células que atuam diretamente dentro do sistema imunológico.

A uva
Lembre-se que frutas vermelhas possuem altas doses de antioxidantes, responsáveis por eliminar os processos de oxidação das células, conferindo-lhes uma sobrevida e, dessa forma, retardando o seu envelhecimento. O processo ocorre por meio da exclusão dos radicais livres, que atuam na destruição das células. Os danos gerados pelos radicais livres são considerados graves. A médio e longo prazo as consequências podem ser desastrosas para o corpo. O resultado é o desenvolvimento de uma série de doenças. Daí a importância em sempre consumir frutas como a uva.
Contudo, para obter os benefícios citados não se deve desprezar a casca, hábito comum adotado por algumas pessoas. É exatamente na casca e nas sementes que estão concentrados os pró-antocianidinas, potentes antioxidantes.

O morango
Estudo recente publicado ano passado pelos cientistas da estadunidense Harvad School of Public Health comprovaram que o morango ajuda a prevenir um quadro propício à ocorrência de infartos do miocárdio. Esse efeito é obtido pela antocianina, substância muito comum em frutas de coloração azulada ou avermelhada. Outro benefício do morango é a sua contribuição no equilíbrio da pressão, diminuindo grandes oscilações. Miais uma vez fica evidenciado o poder das frutas.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Deixe seu comentário

Um pensamento em “O Poder das frutas para o organismo