Veja aqui como se livrar da má digestão 1


Liberte-se dos maus hábitos que levam à má digestão. ((Veja como combater a constipação intestinal))

Má digestãoMuitos são os transtornos causados pela má digestão dos alimentos. Eles podem se apresentar como uma simples azia, flatulência, ou através de complicações mais graves, como a doença do refluxo gastroesofágico. Geralmente, esses efeitos podem ser efêmeros ou não, tudo dependerá de uma série de fatores, tais como a composição e tamanho do prato. Na sequência, acompanhe uma lista com os piores hábitos que contribuem para que a indigestão nunca vá embora e mude seu estilo de vida.

Comer rápido
Comer rápido é o pior dos hábitos à mesa e o mais corriqueiro, principalmente nos atuais dias acelerados nos ambientes urbanos. O péssimo hábito de jogar toda a comida, literalmente, goela abaixo, é extremamente prejudicial ao organismo. Primeiramente, quem come aceleradamente não mastiga os alimentos como deveria. Isso faz com que eles não cheguem ao estômago no tamanho desejado e, além disso, prejudica a liberação de uma enzima digestiva, que é produzida durante o ato da mastigação. Em segundo lugar, a sensação de saciedade é atrasada, já que essa informação é entregue de forma adiada.
Por tudo isso, cada refeição deve ser feita em um período de, no mínimo, 20 minutos. Esse tempo, segundo os nutricionistas, é o suficiente para a produção da referida enzima e para que o cérebro consiga providenciar a sensação de saciedade esperada.

Posicionamento corporal, e falar durante as refeições
Como os órgãos do sistema digestivo se situam na caixa torácica, o posicionamento no momento de uma refeição também pode ser determinante para interferir nos processos de digestão. Isso acontece porque os órgãos se comprimem quando o indivíduo se senta em qualquer outra posição que não seja a ereta.
Outro hábito comum e muito incorporado à mesa é o de ter longas conversas durante as refeições. Segundo os especialistas, isso faz com que o organismo receba uma quantidade maior de ar, o que pode trazer consequências relacionadas a problemas causados por gases.

Consumo exagerado de líquidos
Dificilmente alguém dispensa algum tipo de líquido durante as refeições. Tal hábito pode ser mantido, pois quando a bebida é consumida sem exageros, ela acaba colaborando para o processo de digestão, uma vez que facilita a deglutição dos alimentos. Entretanto, é preciso ficar atento às particularidades de cada bebida, já que diversas delas não só comprometem a absorção de nutrientes por parte do organismo, como também favorecem o desenvolvimento da azia.

Permanecer em jejum por muito tempo
Além de prejudicar quem está tentando emagrecer, o péssimo hábito de prolongar o intervalo entre uma refeição e outra quase sempre culmina no surgimento da desconfortável azia, um dos sinais de que o sistema digestivo não está funcionando como deveria.
O problema da azia é mais comum durante o jejum porque ocorre uma produção em demasia de suco gástrico, que acaba indo parar entre o final do esôfago e início do estômago, caracterizando a azia. A melhor forma de evitar esse transtorno é acostumar-se a realizar refeições em períodos regulares, preferencialmente a cada três horas.

Não tirar a sesta
A sesta é um hábito comprovadamente benéfico ao processo digestivo. A famosa soneca contribui para uma digestão mais eficaz dos alimentos, mas deve-se ressaltar que não pode se delongar, pois o sono profundo, ao invés de ajudar, atrapalha a digestão. Ao tirar a sesta, lembre-se de deixar a cabeça ligeiramente inclinada para evitar que haja refluxo dos alimentos.

Fumar e ingerir bebidas alcoólicas
A nicotina, principal substância contida no cigarro, não somente destrói os pulmões com o passar dos anos, mas também compromete a correta digestão dos alimentos. Isso ocorre porque esse elemento é liberado na corrente sanguínea e acaba indo parar no sistema digestivo, no qual interfere diretamente sobre as contrações estomacais. Para completar, o uso cotidiano do cigarro pode causas azia e levar ao desenvolvimento da úlcera gástrica.
Quanto ao álcool, dentre outros transtornos ele provoca o aumento de determinadas enzimas, que passam a ser produzidas em excesso pelo fígado a fim de metabolizarem o etanol, o que pode culminar em inflamações. Além disso, o consumo abusivo de bebidas alcoólicas pode comprometer a quantidade de enzimas digestivas que são sintetizadas pelo pâncreas.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Deixe seu comentário

Um pensamento em “Veja aqui como se livrar da má digestão