Causas, prevenção e tratamentos de estrias


As estrias são temidas por muitas mulheres e aparecem tanto nelas quanto nos homens. Veja como são formadas, tratadas, e ainda confira cinco dicas para preveni-las!

Afinal, o que são as estrias?

Estrias

Crédito da imagem (Google)

Elas são lesões nas fibras da pele que ocorrem quando há o estiramento da pele. Comumente elas não apresentam sintomas, mas, em alguns casos podem causar ardência e coceira. A seguir, veja quais são os tipos de estrias:

Antigas: são de cores esbranquiçadas e claras. Não há mais inflamação, tampouco coceira.
Novas: são de cores púrpura e rosada, podendo apresentar coceira. Também sofrem uma pequena inflamação durante a formação.

Veja as principais causas, como tratar e previr o aparecimento de estrias.

Principais causas das estrias

Gravidez e o uso de anabolizantes são causadores de estrias. Além disso, ganho de peso e musculatura muito rápido também são responsáveis por seu aparecimento. Inclusive durante a fase de crescimento se ele se der de maneira abrupta também pode haver formação de estrias.

Saiba que estrias que são muito largas e profundas, e que apareçam de repente (mesmo sem você ter aumentado de peso ou mudado bruscamente de hábitos) podem indicar outras doenças. Nesse caso, você deve procurar um médico!

Como tratar as estrias

No geral, quanto mais cedo se tratar as estrias para fins estéticos, melhores serão os resultados alcançados. Tudo depende do estágio em que a estria se encontra. É importante saber que o profissional recomendado para analisar estrias é o dermatologista.

Laser fracionado combinado à subcisão
Ele se dá com a utilização de um laser que perfura a pele de forma microscópica e modifica a estrutura interna, promovendo uma cicatrização interna que visa alisar a pele externamente e melhorar sua textura. Duas semanas após esse procedimento é realizado uma operação cirúrgica que vai alterar a estrutura profunda da estria, o que vai estimular a formação de colágeno e irá recuperar de modo parcial a estria.
Nesse método são realizadas até cinco sessões à cada quinze dias. O resultado pode levar de um à dois meses para ser observado, pois depende da formação do colágeno, que leva tempo. A estria tende a diminuir.

Infravermelho
A luz infravermelha atravessa a pele e aumenta a sua temperatura, o que desestrutura o colágeno presente na região e estimula a sua produção. Quando o novo colágeno for produzido a pele irá melhorar a sua aparência estética, diminuindo a estria.

Subcisão
Com a utilização de uma agulha é realizado um procedimento cirúrgico que rompe parte das fibras, o que provoca uma lesão interna e estimula o organismo a produzir colágeno e a recuperar-se. Também é possível preencher parte das áreas atrofiadas internamente com o chamado ácido hialurônico. Pode ficar calmo, esse procedimento não causa nenhum tipo de dano à saúde desde que executado por profissionais competentes nas condições adequadas.

Ácido retinoico
Ele incentiva a produção de colágeno nas regiões onde há estrias. Muitos cremes hoje em dia são vendidos para o tratamento em casa. É uma opção com um bom custo x benefício.

Como prevenir o aparecimento de estrias

Sabe aquele velho ditado que diz “prevenir é melhor do que remediar”? Ele é totalmente válido no caso das estrias! É claro que existem as exceções como as fases de crescimento e a gravidez. Mas, sem dúvidas o quanto mais você seguir as dicas, melhor será a saúde da sua pele.
1) Beba água regularmente, ela compõe a maior parte do nosso corpo!
2) Pratique exercícios.
3) Massagens localizadas também ajudam.
4) Faça uso de cremes hidratantes.
6) Consuma as quantidades ideais dos nutrientes essenciais para o corpo, tais como vitaminas e minerais.

Esteja atendo a saúde do seu corpo, pratique exercícios, alimente-se bem. Seguindo essas dicas e evitando mudanças rápidas no peso, é, com certeza uma ótima combinação para prevenir estrias.

Veja também:
Esfoliação da pele: Faça agora, faça sempre
Dicas de como acabar com a celulite
Tratamento para Estrias – Biovergetures Biotherm


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Deixe seu comentário