Veja dicas de como evitar o efeito sanfona 1


Não é à toa que o efeito sanfona é uma preocupação entre aqueles que querem perder peso: além de ser extremamente prejudicial à saúde, ela significa meses de esforço e determinação desperdiçados.

Efeito sanfonaO efeito sanfona é o fenômeno no qual a pessoa perde e ganha peso repetidas vezes: em geral, depois de uma fase de emagrecimento, o sujeito acaba recuperando todo o peso perdido, ou às vezes até mais.

O que causa o efeito sanfona?

Há duas causa principais para o efeito sanfona, e quase sempre elas andam “de mãos dadas”: as medidas extremas para a perda de peso, e a mudança apenas temporária de hábitos.
O que acontece é que as pessoas querem emagrecer rapidamente, e acabam não avaliando as consequências que suas decisões podem trazer para a saúde. Assim, ao invés de fazer escolhas inteligentes e reavaliarem seus hábitos, elas adotam dietas “malucas” e super restritivas — são coisas como a “dieta da maçã” ou o “regime do ovo cozido”.
É claro que é impossível manter esses regimes extremos para sempre, e eventualmente essa mesma pessoa — que não trabalhou em uma reeducação alimentar — vai voltar a comer da mesma forma que comia antes.
O que acontece nesse momento? O organismo, que estava em estado de “alerta” por conta da privação de nutrientes e calorias, busca acumular o máximo possível de energia para o caso de uma “emergência” similar no futuro. Resultado: essa energia é estocada na forma de gordura no seu corpo, que acaba engordando mais.
Ou seja, o extremismo é um “tiro no pé” de quem quer perder peso rapidamente. Até é possível perder peso rapidamente, mas tudo isso à custas da saúde e ainda arriscando sofrer com o efeito sanfona.

Como evitar o efeito sanfona?

Agora que você conhece melhor as causas do efeito sanfona, pode descobrir como evitar esse mal. Anote as dicas que ajudam a perder peso com qualidade e saúde:

Fuja das dietas “malucas”, e de qualquer outra medida extrema para perder peso. Muitas vezes, essas dietas sequer funcionam (algumas parecem fazer você perder peso rapidamente, mas estão somente de desidratando seu corpo, e a diferença de peso é da água perdida), e quase todas são caminhos certeiros para efeito sanfona. Prefira consultar um nutricionista e montar uma dieta que promova sua reeducação alimentar. A mesma coisa vale para os exercícios físicos: exagerar na dose também vai colocar seu corpo em estado de “alerta”, e pode levar ao efeito sanfona.

Crie novos hábitos. Isso vale tanto para a alimentação quanto para a rotina de exercícios. Vale mais a pena você investir em mudanças realistas e que você poderá manter para o resto de sua vida; vale lembrar que quando você conseguir finalmente perder peso, terá que manter a forma recém-conquistada. Portanto, se, fazer uma hora de academia três vezes por semana é o que seu cotidiano permite, não tente colocar metas absurdas de exercícios que você não conseguirá cumprir por muito tempo.

Crie uma rotina de alimentação. Procure alimentar-se (sempre que possível) nos mesmos horários, e comer em quantidades moderadas de três em três horas. Essa rotina ajudará em sua reeducação alimentar e evitará que você fique com muita fome, exagerando na refeição seguinte. E lembre-se de incluir fibras no seu cardápio, elas ajudam a manter a sensação de saciedade por mais tempo.

Não comemore a perda de peso com comidas! Isso pode parecer óbvio, mas muitas pessoas fazem exatamente isso. Depois de conseguir atingir sua meta, elas acreditam que agora sim podem comer “o que quiserem”, e saem exagerando nas doses de guloseimas ou nas rodadas de cerveja com os amigos. Essa tentação também pode levar ao efeito sanfona.

Veja também:
Veja algumas das complicações causadas pelo efeito sanfona
Veja o que ajuda a combater a gordura localizada
METABOLISM ON FIRE Emagrecendo Com Queima Intensa de Gordura


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Um pensamento em “Veja dicas de como evitar o efeito sanfona

Os comentários estão desativados.