Economize e emagreça com a fantástica dieta da cesta básica


Saiba mais sobre a dieta da cesta básica, emagreça e economize usando produtos que cabem no orçamento da maioria dos brasileiros.
Dieta da cesta básica

Quase todas as matérias e publicações relacionadas à dietas apresentam uma lista de alimentos excêntricos à maioria da população. Além disso, a maior parte das sugestões de cardápio é composta por elementos nada baratos, razão pela qual muitas pessoas sequer iniciam a dieta. Mas, ter um corpo saudável não deve ser exclusividade de alguns. Quem não tem muitos recursos financeiros no momento ou simplesmente não vê muito sentido em gastar uma “fortuna” no supermercado, pode buscar os nutrientes essenciais ao organismo nos próprios elementos que formam a chamada cesta básica. É claro que para isso ela deve estar completa. Segundo os nutricionistas, é possível emagrecer cerca de 1 quilo a cada sete dias com uma conta de apenas R$ 16,00 ao dia.

A dieta embasada nos alimentos que constituem a cesta básica parte do princípio de que uma lista bem feita pode conduzir o organismo ao seu estado de equilíbrio. O mais interessante é que isso pode ser alcançado sem comprar itens extras que geralmente custam preços exorbitantes. Por outro lado, é preciso frisar que o sucesso almejado dependerá do nível atual de condicionamento físico de cada indivíduo. Aqueles que estiverem em um nível de obesidade que comprometa determinadas atividades devem ter um cardápio específico e elaborado à parte por um especialista. Da mesma maneira que outras dietas não garantem, automaticamente bons resultados, com a dieta da cesta básica não é diferente.

O cardápio
Como já era de se esperar, os itens essenciais dessa dieta são o arroz e o feijão. O segredo, assim como em outros casos, é dosar bem o prato na hora de acrescentar os alimentos. Uma carne magra, verdura e legumes completam o prato. As possibilidades de variação com os dois últimos são grandes. Quanto às frutas, deve-se optar por aquelas que estão disponíveis em qualquer época do ano no país e que, em virtude disso, dificilmente extrapolam o orçamento inicial. As principais e mais consumidas são o mamão, a laranja e a banana.

Algumas particularidades estão presentes nessa dieta. A ingestão do pão francês deve ser feita normalmente, preferencialmente no café da manhã ou da tarde. Também não existem limitações impostas ao consumo de doces. A única observação que os nutricionistas fazem é em relação à quantidade de cada porção, já que o exagero é o inimigo constante e sempre pronto para fazer com que todo o esforço seja em vão. Todavia, para adicionar pães e doces é necessário reduzir ou eliminar os molhos ricos em gordura. Prefira condimentos menos densos. A quantidade de carboidratos consumidos ao cair da noite também deve ser controlada. O preparo dos alimentos sempre deve seguir uma regra tão básica quanto a lista de compras: utilizar o óleo em doses bem pequenas.
Embora deva ser diminuído, é um grande equívoco retirar totalmente o carboidrato de uma alimentação bem estruturada. Ao invés disso, esse relevante elemento precisa ser ligado a outras substâncias como as proteínas e as gorduras. O consumo de proteínas precisa ser razoável, pois sem ela o metabolismo sofre grande desaceleração. Assim, sua ausência compromete a perda de peso. O importante é não se limitar ao consumo da proteína oriunda das carnes, já que ela também está presente (em formas distintas) no ovo, no iogurte, no queijo e no leite, só para citar alguns exemplos.

Dicas de compras
Por fim, para que as compras fiquem ainda mais baratas é preciso realizá-las, se possível, em períodos quinzenais ou mensais. Priorize intervalos nos quais a grande maioria da população ainda não recebeu seus vencimentos, pois é nesse meio tempo que os supermercados abaixam significativamente os preços devido à redução da procura.


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida.

Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo.

Durante esses anos tenho “corrido” atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida.

Ps.
Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria.

Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.

Deixe seu comentário