Libido: Você sabe como aumentar o desejo sexual? 3


Libido - desejo sexualLibido é o termo que comumente usamos para descrever o desejo sexual. A Organização Mundial da Saúde (OMS) diz que a saúde sexual gera um bem-estar físico, social e emocional, que se relaciona intimamente com qualidade de vida como um todo. Por esse motivo, muitos médicos reconhecem a libido como um dos principais indicadores da saúde geral.

O desejo sexual nos foi concebido biologicamente, ou seja, é algo que está presente em nós, tanto nos homens quanto nas mulheres. No entanto, esse desejo é influenciado por uma série de fatores psicossociais, culturais e do desenvolvimento.

A libido está diretamente ligada aos hormônios andrógenos (testosterona). Os homens, por sua vez, têm aproximadamente 40 vezes mais testosterona do que as mulheres, por isso que o impulso sexual masculino é mais intenso. Do mesmo modo, um comportamento mais agressivo também é demonstrado.

As mulheres são sexualmente mais receptivas (no sentido fisiológico) ao longo do ciclo menstrual, com pequenas variações. De uma perspectiva evolutiva, qualquer mecanismo que possa aumentar a frequência das relações sexuais durante os dias férteis aumentam as chances de concepção.

Perda da libido

A perda da libido é um problema relativamente comum, que afeta cerca de 1 em cada 5 homens (e ainda mais em mulheres) em algum momento de suas vidas. A falta de interesse na atividade sexual é muitas vezes associada ao estresse ou a outros eventos que causam mudanças de vida, como por exemplo a gravidez e a amamentação.

Entretanto, quando a perda da libido ocorre de forma inesperada e com certa frequência, o que tende a ser perturbador para ambos os parceiros, pode ser que haja um problema subjacente, médico ou do estilo de vida em si.

Veja a seguir algumas situações que podem motivar a perda da libido:

  • Infelicidade conjugal (quando o relacionamento não está mais agradando);
  • Problemas de performance sexual (disfunção erétil, ejaculação precoce, espasmos vaginais, sexo dolorido);
  • Estresse;
  • Ansiedade;
  • Exaustão;
  • Depressão;
  • Problemas hormonais;
  • Medidas anticoncepcionais;
  • Certos tipos de medicamentos (Haloperidol, Finasterida, Cimetidina, Ciproterona);
  • Idade.

Se você está preocupado com a sua libido, especialmente com a diminuição do desejo sexual, procure ajuda médica para discutir e tentar encontrar as possíveis causas, assim como os tratamentos.

Como aumentar a libido

Homens

Estudos indicam que os níveis da libido masculina podem melhorar a partir de uma variedade de processos naturais ou medicinais. Se você deseja evitar o uso de medicamentos prescritos, os médicos irão lhe aconselhar uma série de alterações de estilo de vida, sendo a prática regular de exercícios uma das mais importantes.

Foi provado que os exercícios, mesmo que em curtas durações, podem aumentar os níveis de testosterona em homens de todas as idades. Porém, além da atividade física, a libido pode ser aumentada através de uma variedade de alimentos, dentre os quais:

  • Banana;
  • Abacate;
  • Figo;
  • Nozes e amêndoas;
  • Sementes de abóbora;
  • Ostras;
  • Salmão;
  • Chocolate;
  • Pimenta;
  • Açafrão;
  • Gengibre;
  • Mel;
  • Canela;
  • Alecrim.

No entanto, caso você opte pelos tratamentos medicinais, uma das soluções mais comuns para aumentar a libido é através da reposição hormonal, especificamente envolvendo o hormônio testosterona. Esse procedimento médico é conhecido como terapia hormonal, sendo mais utilizada nos homens que estão experimentando a redução da libido devido ao envelhecimento.

Mulheres

A testosterona desempenha um papel direto no desejo sexual não só dos homens, mas das mulheres também. Hoje em dia, há produtos que contêm esse hormônio que já estão sendo prescritos para as mulheres com baixa libido. O interessante é que esses produtos além de aumentar o desejo parecem aumentar a excitação, a lubrificação e o senso do orgasmo, tendo um impacto direto na qualidade sexual.

Vale ressaltar, que os mesmos alimentos que aumentam o desejo sexual masculino podem ser benéficos para as mulheres também. Alguns desses são devidos aos seus nutrientes, já outros possuem propriedades afrodisíacas.

Para concluir, a maioria dos casos de perda da libido são motivadas por problemas do dia a dia, e não por problemas de saúde. No entanto, conforme você envelhece a libido tende a diminuir, essa é uma tendência natural do organismo. Caso você não esteja contente com a sua vida sexual, procure um especialista para entender qual é a causa e o que pode ser feito.

O artigo foi útil para você? Comente, curta ou compartilhe.

Leia também:
O que você precisa saber sobre Reposição Hormonal?
Disfunção erétil – Saiba quais são as causas e tratamentos para essa doença
Saúde sexual – Aprenda tudo o que é preciso para uma vida melhor


Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação e adoraria aprender tudo sobre fotografia.


Deixe seu comentário

3 pensamentos em “Libido: Você sabe como aumentar o desejo sexual?