5 dicas para você conquistar a sua barriga tanquinho

Conquistar a chamada ” barriga tanquinho ” não é algo tão fácil e rápido. Para fazer com que a região abdominal alcance esse nível de condicionamento físico é preciso aliar uma boa dose de disciplina durante os treinos com outros detalhes, que certamente fazem a diferença, sendo determinantes para que a campanha seja bem sucedida.

Dicas para conseguir a barriga tanquinho

5 dicas para conseguir a barriga tanquinho Embora a tarefa seja complicada, o caminho a ser percorrido para conquistar a barriga tanquinho pode conter alguns atalhos. Na sequência, serão apresentadas 5 dicas para que você deixe os músculos da região abdominal bem delineados. Se essas etapas forem seguidas a risco, é bem provável que resultados bem satisfatórios sejam obtidos após cerca de dois meses.

Faça as refeições sem beber líquidos

Para a maioria das pessoas, é quase impossível realizar as refeições sem o acompanhamento de uma bebida, seja suco, chopp, e cerveja durante os dias mais quentes, ou o vinho no decorrer dos dias mais frios.
No entanto, os nutricionistas admitem que esse é um péssimo hábito, que se possível deve ser evitado desde cedo, ou seja, estimulando as crianças a não o adotarem. Beber líquidos ao mesmo tempo em que se come faz com que o abdômen se dilate dificultando o processo para se chegar a sonhada barriga tanquinho. Logo, cedo ou tarde e depois de repetidas vezes, o resultado desse processo será uma barriga estufada.

Tenha cuidado com a má postura

Além de provocar uma série de problemas ao corpo em um longo prazo, a má postura ainda interfere no aspecto ostentado pela região abdominal. Assim, andar curvado e sentar-se de maneira inadequada são hábitos que ajudam a produzir a temida barriga.
Essa consequência acontece porque enquanto a coluna não está ereta ocorre um relaxamento de toda a área na qual estão dispostos os ombros, situação análoga à região da cintura e dos glúteos. Conheça novas e diferentes formas de praticar Ioga)

Alterne os tipos de exercícios abdominais

Os exercícios abdominais são praticamente indispensáveis quando se quer tonificar os músculos da referida região e ficar com a barriga tanquinho no menor tempo possível. Notadamente, existem outras maneiras de se alcançar os mesmos resultados, mas eles podem exigir um intervalo bem maior para isso. Logo, considerando a meta de transformar a barriga em um “tanquinho” em somente dois meses, é preciso dedicação aos abdominais.
Contudo, amparar-se somente nos exercícios básicos também não ajuda. Assim, vale a pena procurar variar os abdominais ao máximo. Além do convencional, existem, precisamente, nove variações de exercícios abdominais muito eficazes: abdominal sobre a bola suíça, abdominal inferior, abdominal oblíquo, abdominal com braços estirados, abdominal com as pernas suspensas, abdominal com suspensão da cintura, abdominal ponte, abdominal invertido, e o abdominal com a ajuda de uma corda elástica. (Veja os 6 melhores exercícios abdominais)

Aprenda a exercitar o corpo

Segundo os profissionais de educação física, para auferir os resultados desejados não basta simplesmente exercitar o corpo. Antes disso, é preciso saber como fazê-lo apropriadamente. Pensando nisso, prefira executar baterias diárias de treinamentos constituídas de 20 minutos em vez de submeter o corpo a longos períodos ininterruptos de atividades físicas.
Os exercícios aeróbicos são essenciais para promover a queima da gordura extra que se acumulou no entorno do abdômen. Portanto, eles devem ser mesclados aos exercícios abdominais. Estes, por sua vez, devem ter um intervalo de 24 horas entre cada sessão para que o corpo tenha o devido descanso. Este cuidado é primordial para evitar futuras dores advindas de distensões musculares. (Veja 6 dicas de atividades para emagrecer de forma fulminante)

Minimize os períodos de sedentarismo

Essa etapa condiz com o excessivo tempo em que o corpo permanece sentado. Além de outras possíveis complicações de saúde, esse péssimo hábito também presta uma ingrata colaboração para a formação de uma barriga saliente e com aspecto nada agradável.
Passar longas horas sentado sem se levantar provoca o relaxamento da região abdominal. Visando se precaver contra essa interferência, os especialistas recomendam levantar-se em intervalos aproximados de uma hora. (Conheça 5 passos para abandonar o sedentarismo)

Leia também:
Pneuzinhos indesejados: Livre-se deles
O Pilates ajuda no bem estar físico e mental
Existem muitos produtos para desportistas. Então quais escolher?
3 abdominais superpoderosos para chapar a barriga em tempo recorde

Sobre Galdino

Paixão por saúde e qualidade de vida. Desde 2013 buscando informações sobre a melhor maneira de se viver com mais saúde e melhor qualidade de vida. Mantenho alguns blogs com o objetivo principal de passar adiante as informações e o conhecimento que tenho adquirido ao longo desse tempo. Durante esses anos tenho "corrido" atrás de conteúdos relevantes que, de alguma forma possa me ajudar e ajudar outras pessoas a viver com mais qualidade de vida. Ps. Tenho 47 anos, sou goiano, evangélico, solteiro e tenho um filho de 13 anos, motivo do meu orgulho e alegria. Sou apaixonado séries e filmes de ação. Adoraria aprender tudo sobre fotografia.
Adicionar a favoritos link permanente.

Deixe seu comentário